Notícias
Compartilhar
08/03/2019

Arrecadação de ICMS cresce 7,29% no 1º Bimestre de 2019

A arrecadação de ICMS do Estado da Bahia no 1º bimestre de 2019 cresceu 7,29% em valores nominais, comparado com o mesmo período de 2018.

Foram arrecadados nos meses de janeiro e fevereiro deste ano 3,95 bilhões de reais, enquanto que no ano passado foram 3,67 bilhões de reais.

Em termos reais, descontada a inflação medida pelo IPCA, a arrecadação do 1º bimestre de 2019 supera a do mesmo período de 2018 em 3,54%.

Principais Subsegmentos no 1º Bimestre/2019

 O Subsegmento de Indústria de Bebidas – Cerveja, em função dos festejos de carnaval no início de março, foi o que apresentou o melhor desempenho com 31% de crescimento (+ R$ 66,7 milhões).

Destaque também para o Subsegmento de Energia Elétrica que teve incremento de 16,61% (+ R$ 60,5 milhões).

Os Subsegmentos de Petróleo – Extração e Refino com crescimento de 5,87% (+ R$ 47 milhões) e de Varejista – ST com 10,62% (+ R$ 38,5 milhões) muito contribuíram para o resultado positivo no 1º bimestre de 2019.

No Segmento de Serviços de Utilidade Pública o Subsegmento de Energia Elétrica apresentou excelente desempenho de arrecadação, ao contrário do Subsegmento de Comunicações que apresentou queda na receita de 15,14% (- R$ 33 milhões), fruto principalmente da crescente utilização de novas ferramentas de comunicação, a exemplo do WhatsApp e Skype.

Perspectivas da Receita de ICMS no 2º Bimestre/2019

Com a estabilidade da taxa de inflação e redução, ainda que pequena, na taxa de desemprego é esperado pelos analistas econômicos um aumento no consumo das famílias, o que impactará positivamente na arrecadação do principal imposto estadual – o ICMS.

Neste contexto é fundamental o trabalho dos Auditores Fiscais da Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia no incremento da arrecadação tributária, na recuperação de créditos fiscais, no controle da qualidade do gasto público e no incessante combate à sonegação fiscal.

Notícias Relacionadas